Doria anuncia que vacinação começa no dia 25 de janeiro, aniversário da cidade de São Paulo. Idosos terão prioridade

Sobre impasse com Bolsonaro, Doria afirmou que: "estamos na luta pela vida, e não numa luta eleitoral"
Foto: Marcos Corrêa/PR/Flickr

O governador João Doria divulgou o calendário de vacinação na cidade de São Paulo.

Doria pretende começar a vacinar a população, contra o coronavírus, a partir do dia 25 de janeiro, dia do aniversário da capital paulista.

De acordo com o governador, todos os insumos necessários para a fabricação da vacina, além do transporte e distribuição das doses, já estão acertados. A única cosa que falta é a autorização da ANVISA.

Conforme o calendário divulgado, a vacina deve começar a ser aplicada primeiro no público-alvo, ou seja, nos profissionais da saúde, em pessoas com mais de 60 anos, e nos indígenas.

Além de anunciar a vacinação em São Paulo, o governador João Doria também afirmou que vai liberar milhares de doses da vacina para outros estados brasileiros. As pessoas de outros estados também podem receber a imunização:

“Todo e qualquer brasileiro que pedir a vacina em solo paulista a receberá gratuitamente. Nós fazemos parte do Brasil. Respeitamos todos os brasileiros e aqui vacinaremos todos que precisarem”, explicou Doria.

Sobre impasse com o presidente Jair Bolsonaro, que é contra a ideia da vacina em parceria com a China, Doria afirmou que: “Precisamos que o governo federal entenda que estamos na luta pela vida, e não numa luta eleitoral”.

A vacina CoronaVAC é uma parceria do Instituto Butantan com o laboratório chinês, Sinovac. A OMS considera que essa é uma das vacinas mais promissoras do mundo.

Os dados de eficácia da CoronaVAC devem ser divulgados até o próximo dia 15.

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.

Most Popular Topics

Editor Picks